Sobrancelha fina ou falhada NUNCA MAIS! Tire todas as suas dúvidas sobre micropigmentação

Tirar aquele pelinho a mais e estragar todo o desenho da sua sobrancelha. #QuemNunca? Com a correria do nosso dia a dia é impossível recorrer toda hora ao salão de beleza para fazer a limpeza ou o design desses pelinhos.
Agora que concordamos em estar perdoadas com o mal uso da pinça, cera ou cremes depilatórios, vamos entender como funciona e para quem é indicada a micropigmentação.
Esse método consiste, como o nome diz, em pigmentar com uma tinta específica partes da pele. Uma micro agulha e uma mão bastante profissional são as responsáveis por remodelar fio a fio a sobrancelha.
E, se vamos reconstruir uma parte tão importante do nosso rosto, que seja com bastante cuidado, por isso vale consultar profissionais bem preparados, que utilizem materiais esterilizados e descartáveis, e respeitem o formato e a harmonia da sua fisionomia.

Tirar os pelos sem pensar no desenho é o primeiro motivo de estragos, então muitas mulheres recorrem ao pigmento definitivo para refazer a área, e aí que começam as dúvidas:
Como funciona?
Cliente e profissional decidem em conjunto as cores, formato, altura e espessura das linhas para preenchimento. Dura, em média, um ano e meio.
O pigmento some após um ano e meio?
Não some por completo, mas fica com uma tonalidade mais clara.
Fica aquele aspecto de sobrancelha pintada?
Como todo procedimento invasivo a pele, após a micropigmentação haverá um inchaço e vermelhidão no local. Em cerca de 7 a 10 dias a pele finaliza a escamação e será possível confirmar o resultado.
Em geral, essa técnica visa deixar a aparência mais natural possível, fazendo uma correção suave. E é esse aspecto esperado após, pelo menos, 45 dias da primeira pigmentação.

Foto de Coisas de Diva

Dói tanto quanto uma tatuagem?
São picadinhas não agradáveis, porém suportáveis. E, se levar em consideração o seu grau de insatisfação com a própria sobrancelha, o nível da dor vai reduzir significativamente.
Qual a diferença entre micropigmentação e Maquiagem Definitiva?
A micropigmentação acessa somente a camada mais superficial (subepidérmica) da pele, utiliza tintas específicas para o rosto e seu aparelho permite um traço mais suave.
Já a Maquiagem Definitiva se assemelha a uma tatuagem, perfura a camada mais profunda da pele e a tinta utilizada, por não ser própria para o rosto, tende a ficar azulada com o passar do tempo.
Foto de Alan Spadone

A micropigmentação deixa a sobrancelha azulada?
A melhor resposta aqui é: se você fizer com um bom profissional, NÃO! Mais do que saber fazer a marcação correta e conhecer os três pontos da sobrancelha, é preciso entender sobre colorimetria. Sim, o estudo das cores e suas reações é fundamental, pois a tinta vai reagir de acordo a melanina (cor) presente na sua pele. Os riscos de ter uma sobrancelha azulada ou esverdeada são os mesmos de entrar em contato com bactérias caso você não escolha bem onde e para quem irá entregar a reconstrução dos seus fios.

E uma última dica pra você não ter mais dúvidas: micropigmentação, microblading, micropigmentação fio a fio, micropigmentação 3D ou 4D, é tudo a mesma coisa. O conceito de pigmentar a pele imitando os fios é exatamente igual.
A diferença está na forma como esse desenho é feito: com o dermógrafo ou com o tebori. Os dois aparelhos lembram uma caneta e têm várias agulhas descartáveis na ponta.
O dermógrafo é elétrico, o que agiliza o trabalho, porém, faz tremer a mão do profissional, especialmente se ele não tiver muita experiência e firmeza. Já o tebori é 100% manual, por isso a sessão demora de 1 hora e meia a duas horas.
Foto de Jornal da Moda Brasil

0
X